fbpx

Será Que Vale a pena ter STFC?

Você já ouviu falar em STFC? STFC é uma sigla dentro das telecomunicações que significa Serviço Telefônico Fixo Comutado. Resumindo, o STFC é uma licença da ANATEL que faz da sua empresa uma operadora de telefonia; lembre-se que com essa licença você não é permitido vender internet, apenas serviços de telefone. Sabendo disso, muitos dos meus alunos me perguntam: Allan, vale a pena ter STFC? E é isso que nós iremos discutir e descobrir no artigo de hoje.

Agora eu lhe pergunto, meu caro leitor, quantas pessoas você conhecem que ainda usam algum tipo de sistema de telefonia para fazer ligações? Mais importante ainda, quantas pessoas você conhece que possuem um telefone fixo em casa e o utilizam regularmente? Eu imagino que a maioria dos leitores responderão que ou nenhuma ou pouquíssimas, isso já é um bom começo para responder se vale a pena ter STFC.

Mas agora vamos supor que você, por algum motivo, ainda assim queira tirar a licença STFC. O grande problema dessa licença não é nem ela em si, mas sim, algo chamado regulamento de interconexão. O regulamento de interconexão é um regulamento que foi criado pela ANATEL e que define as relações entre duas operadoras, sendo elas duas operadoras grandes ou uma operadora grande e uma pequena ou média.

Para explicar melhor, imagine um número de telefone qualquer, vamos imaginar um da TIM. Caso a sua operadora seja a Oi e você queira ligar para esse número da TIM, as duas operadoras precisam estar em interconexão, senão a ligação nunca será feita. Agora imagine que você, pequeno provedor de internet, decida tirar um STFC, além de ter a licença você também terá que fazer a interconexão com todas as grandes operadoras, caso contrário, ninguém vai conseguir ligar para o seu cliente e seu cliente não vai conseguir ligar para ninguém. Se isso por si só já não fosse dificil o suficiente, ainda por cima as operadoras grandes fazem de tudo para dificultar a vida do pequeno provedor STFC que quer se interconectar com elas. Então, respondendo a pergunta central do post: em hipótese alguma vale a pena ter STFC!

Você pode assistir ao vídeo que deu origem a este artigo Clicando Neste Link

Você também pode ler este meu outro artigo sobre Provedor De Internet: Quais São Os Tipos de Cliente?

Allan Caldas é Digital Influencer a 10 anos, programador, Profissional de TI, Eletrônica e Eletrotécnica.

Proprietário de provedor de provedor internet grande numa empresa especializada em links dedicados corporativos e telefonia.

Trabalha no setor de Telecom a 14 anos.

Autor do treinamento Milionários da Telecom (Curso que ensina a montar um provedor de Internet do Zero).

Escreva um comentário

1 comment
  • Allan, Bom dia, me surpreendeu teu desconhecimento do negócio STFC. Mesmo assim tem a coragem de falar que não adianta ter STFC. Favor se informe e investigue. Claro que adianta. Fala isso para milhões de pessoas que utilizam para seus negócios e nas suas residências a telefonia fixa ou no smartphone um DID via IP, ou em notebook ou PC um Softphone para não pagar ou reduzir custos de ligações de longa distância configurando seu DID empresarial via IP.

    Do único modo que conseguem ter DID seria contratando um ISP ou operadora com STFC. Tem muita gente ganhando muito dinheiro com telefonia STFC. Você está desorientando ao ISP com esse errado conselho.

    Muitos provedores de internet não conseguem concorrer pelo fato de não terem Telefonia com PABX IP + DIDs próprios, e só ficando com a banda larga. Eles não tem opção, mas a de ter, claro. Pergunta por aí a importância da portabilidade numérica e se algum provedor consegue concorrer com a Claro ou a Vivo só vendendo banda larga e sem portabilidade numérica. Nunca uma empresa média ou grande contrataria a um provedor de banda larga sem a portabilidade numérica. Entenda isto.

    Foi só para clarificar um pouco teu ponto. Vai ter que reavaliar teus conselhos sobre STFC. Vi que ainda falando isso, você vende telefonia no seu provedor.

    Atenciosamente

Sugestões de leitura

Lista VIP